terça-feira, 14 de agosto de 2018

ENSAIO ABERTO DE SAMBA DE RODA NA CASA


O Samba de Roda "Garoa do Recôncavo" da Casa Mestre Ananias foi contemplado no Edital Culturas Populares - Edição Leandro Gomes de Barros - 2017 para desenvolver e fortalecer o seu movimento em torno desse Patrimônio Cultural da Humanidade (Unesco) deixado por Mestre Ananias em São Paulo.


A ação propõe acesso, vivência e formação no Samba de Roda. Um projeto onde crianças, moradoras do centro de São Paulo, passam a vivenciar e se familiarizar com o Samba de Roda. Uma cultura de origem rural, onde seus saberes populares são ressignificados no ambiente urbano compondo um processo de formação.




O Ensaio aberto do movimento "Garoa do Recôncavo" é intergeracional o que reforça e mantém o processo de transmissão oral do conhecimento. Assim, adultos, jovens e crianças brincam e aprendem o Samba de Roda juntos e valores de respeito e identidade são potencializados.


Fica o convite a todos Capoeiras, Sambistas e quem mais queira se aprofundar nessa riqueza cultural. Uma música popular requintada, onde o ponteado da viola machete chama o passo miudinho, cheio de segredo e o dueto vocal amplifica a poesia popular, tudo isso em meio a uma batucada forte e contagiante.

Seguimos nosso legado à disposição de quem quiser chegar!

foto Leandro Couri
fotos Giu de Luca

segunda-feira, 6 de agosto de 2018

TURISMO SOCIAL NA CASA MESTRE ANANIAS



A Casa Mestre Ananias tem recebido grupos fechados do SESC, de escolas, estrangeiros, com diversos perfis e idades, em momentos de formação e difusão dos valores sócio culturais aqui desenvolvidos. 



É um processo de imersão nos universos da Capoeira, do Samba e de resistência do povo negro, sobretudo nordestino, a partir do legado e da história do baiano Mestre Ananias em São Paulo. 


Aqui o grupo foi recebido com almoço e o grupo "Sem Vintém" de Samba Choro 

Oferecemos almoço seguido de Rodas de Capoeira e Samba de Roda onde entre uma prosa e outra, aprofundamos os valores da nossa comunidade em suas ações sociais e de formação no bairro do Bixiga.

Fotos João Brás

segunda-feira, 18 de junho de 2018

X FESTA JUNIAS DA CASA


O Nordeste na Casa Mestre Ananias já grita na divulgação. A Xilogravura majestosa é do nosso Rafa da Rabeca, professor de Artes e  comandante do Forró no X Arraiá da Casa.

Esse ano a Rede Social da Bela Vista da qual fazemos parte, está conosco em uma Festa só, e em nome da nossa luta pelo Parque do Bixiga, um bairro e uma cidade mais digna e humana.


Nossos amigos, Peneira e Sonhador, estarão conosco como de costume  brincando o coco de embolada.




Haverá gincana com a criançada, o de comer e de beber do tempo junino e até aquela fogueira no fundo do quintal para clarear nosso terreio, porque para aquecer a rabeca, a viola e os pandeiros dão conta do recado.

E como não poderia faltar, em nossa 10ª edição da Festa Junina receberemos o "Samba de Maragogó e os Mascarados de Maragogipe" pelo projeto Circulando com o Samba de Roda do Governo do Estado da Bahia.
Mascarados de Maragogipe


Pelo nosso movimento "São Paulo é Bahia Viva" o grupo veio a São Paulo em nossa 1ª Festa Junina (2008) e agora chegam junto aos "Mascarados de Maragogipe" pela primeira vez na capital.



Para o povo do Samba de Roda e os que gostam de conhecer, teremos programação no sábado dia 23 de junho, véspera da Festa.
  • Roda de Conversa...
  • Oficinas de Samba de Roda e de Máscaras...
  • Cortejo dos Mascarados em prol do Parque do Bixiga

Claro que o Samba Garoa do Recôncavo também dará seu grito no mês de Santo Antônio, São João e São Pedro em nome do nosso Mestre Ananias e a força do nosso povo.

Sejam bem vindos que a Casa, a Rua e o Parque são nossos!

                                             
Parcerias e apoio financeiro
     


                                                                   

segunda-feira, 28 de maio de 2018

OFICINAS NA CASA MESTRE ANANIAS

Mioca, Tico e Robinson


Esse final de semana aconteceram na Casa Mestre Ananias Oficinas que fortalecem nossos objetivos. 

Robinson de Oliveira, da Comunidade do Rosário dos Homens  Pretos da Penha, ministrou a Oficina de Abayonis realizada na Casa Mestre Ananias. No almoço foi servido baião de dois aos participantes.





A Casa movimentada e representando a cultura negra e o nordeste que vive aqui no Bixiga. 

Foram 3 sábados durante o mês de maio que nosso Rafa da Rabeca trouxe um pouco dos segredos desse instrumento, de som feiticeiro, que enfeita seu nome.








Parabéns Rafa pela resistência e em breve, que venha sua proposta para a Oficina de Xilogravura. E fiquem atentos, porque no tempo junino muito Forró e Samba de Roda querem raiar aqui na Casa.


Rafa da Rabeca e Mateus em aula

 fotos Emilene e Giu de Luca